Resenhas de livros

Organização e produtividade

Saúde e bem-estar

Allan Percy – As vantagens de ser otimista

As vantagens de ser otimista

(Um kit de sobrevivência para tempos difíceis)

Autoria:
Allan Percy

Editora:
Sextante

Ano de lançamento:
2013

Páginas (nº):
128
Os otimistas possuem uma blindagem especial que os protege das dificuldades. Assim como o mergulhador que trabalha nas profundezas, quem pensa de modo positivo é capaz de driblar as dificuldades e encontrar soluções em águas turbulentas.
Não é por acaso que os fotógrafos nos pedem um sorriso quando estamos diante das câmeras: quando sorrimos, despertamos a simpatia das pessoas ao nosso redor, o que se traduz em mais sucesso na esfera social, profissional e até mesmo sentimental. Pessoas que andam de cara amarrada o tempo todo não são nem um pouco atraentes!

As vantagens de ser otimista é um livro que tem uma narrativa gostosa e pode ser lido em dois ou três dias. Com uma mistura de estratégias rápidas para ativar a positividade, ensinamentos de grandes mestres e doze histórias inspiradoras, eu terminei de ler este livro querendo colocar em prática tudo o que aprendi.

Para começar, alguns capítulos são estruturados em tópicos e ensinam que ser uma pessoa otimista ajuda a manter a calma e a perspectiva frente aos problemas. Além disso, por pior que seja o dilema que estivermos enfrentando, no final sempre sairemos mais fortalecidos.

Uma das grandes lições é perceber os momentos difíceis e evitar que a negatividade tome conta do nosso coração quando estivermos passando por uma crise. Essa leitura me fez sentir inspirada e pronta para qualquer desafio.

Com uma linguagem no estilo de conversa, Allan Percy nos ensina a ter pequenas metas e grandes objetivos para evitar frustrações. Outra dica a seguir é viver sem endividar-se para evitar estresse desnecessário. Em outro trecho do livro, o autor ensina estratégias como não analisar. “Quem pensa muito na vida não tem tempo de vivê-la.”

A cada página, normalmente com parágrafos curtos, são apresentados exemplos simples e práticos. Um que me chamou atenção foi sobre o poder da persistência escrito por Calvin Coolidge, ex-presidente dos Estados Unidos. Em poucas linhas ele afirma que “não há nada no mundo que possa substituir a persistência.”

Outra parte que eu achei interessante faz parte das Vinte leis da felicidade que incluem: ser generoso; comprometer-se a melhorar a cada dia e ser leal. Estes princípios fazem parte da minha vida e eu acho que de muitos de vocês, não é mesmo? 🙂

Por fim, doze histórias de pessoas otimistas são narradas no livro. A que mais me cativou – e talvez você deva imaginar o porque – é a da escritora inglesa J.K. Rowling.

Quando ela se divorciou do primeiro marido, viu-se sozinha com uma filha pequena e uma baita crise financeira. Em vez de viver amargurada, ela acreditou em si mesma, e nos tempos vagos escreveu a história de um pequeno bruxo que vivia num mundo mágico. Pois é, eu estou falando de Harry Potter e a Pedra Filosofal, um livro que foi febre no mundo todo. No fim da história há a lição que J.K. Rowling aprendeu: “Todos os sonhos parecem impossíveis até que se tornem realidade.”

Ao ler este livro, eu percebi que uma das estratégias de sucesso dos otimistas é continuar aprendendo, seja qual for a área de interesse. Pessoas bem-sucedidas gostam de dividir suas experiências e dar conselhos. Por exemplo, a empresária Lucília Diniz, especializada em temas de saúde e bem-estar escreveu um livro sobre educação alimentar. Lee Nelson, um dos lendários mestres do poker, escreveu um livro sobre o assunto.

Com o fim da leitura, eu concluí que as pessoas otimistas acreditam em seu potencial. As vantagens de ser otimista é um livro para quem quer ser feliz e viver melhor. 😉

Comente este post!

  • Raissa Novaes

    Olá Gabi!
    Adorei a indicação desse livro, não conhecia mas me deixou com bastante vontade de ler. Estamos em tempos tão difíceis que às vezes paramos de acreditar em nós mesmo, e temos tantos exemplos de persistência que vale a pena nos espelhar.
    Parabéns pela resenha 🙂
    Beijos!

    responder